“MADALENA” É O ÚNICO FILME BRASILEIRO SELECIONADO PARA A COMPETIÇÃO DO FESTIVAL DE CINEMA DE ROTERDÃ 2021

Por REDAÇÃO - 23/12/2020 13h43

“Madalena”, primeiro longa-metragem de ficção de Madiano Marcheti, foi selecionado para a competição oficial do Festival Internacional de Cinema de Roterdã, a Tiger Competition. O evento acontece em duas etapas, entre 1º e 7 de fevereiro e 2 e 6 de junho de 2021, em formato híbrido – presencial e online. Clélia Bessa, Joel Pizzini, Sérgio Pedrosa, Marcos Pieri, Beatriz Martins são os produtores do longa, que será distribuído no Brasil pela Vitrine Filmes. A produção é da PóloFilme e da Raccordem coprodução com Vira Lata e Terceira Margem.  

filme tem como ponto de partida o corpo de Madalena, encontrado em uma plantação de soja. Na sequência a trama acompanha a história de três jovens – Luziane (Natália Mazarim)Bianca (Pamella Yule) e Cristiano (Rafael de Bona), que vivem contextos diferentes em uma mesma cidade. Embora não se conheçam, o espírito de Madalena que esvoaça sobre a cidade, torna-se um elo entre os três. O longa denuncia a violência constante do país que mais mata a população LGBTQIA+.  

Estou extremamente feliz e honrado pela oportunidade de estrear meu primeiro longa-metragem em um festival da envergadura do Festival de Roterdã. Nós cineastas brasileiros enfrentamos muitas dificuldades para fazer com que nossos filmes cheguem às telas, sobretudo no momento atual que é particularmente sombrio no que diz respeito ao setor da cultura. Por isso, sou muito grato por ter a chance de levar mais um filme brasileiro para uma janela internacional de cinema tão prestigiada. Um filme do Centro-Oeste brasileiro que procura levantar discussões que considero importantes e urgentes, como meio ambiente e direitos humanosafirma o diretor matogrossense Madiano Marcheti.

Madalena” foi rodado em Dourados, no Mato Grosso do Sul e contou com mais de 20 atores do Estado no elencoO filme foi o único representante do Brasil no Festival de San Sebastian, na Espanha, na categoria Working in Progress, em 2019.

SINOPSE

Entre as vidas de Luziane, Cristiano e Bianca há pouca coisa em comum além do fato de viverem em uma pequena cidade cercada de plantações de soja no interior do Brasil. Embora não se conheçam, os três são afetados pelo desaparecimento de Madalena. Em regiões diferentes da cidade, cada um deles encontra seu modo de responder a essa ausência. 

Comentar