Liduino Pitombeira toma posse na ABM

Por REDAÇÃO - 01/04/2021 14h00

Compositor cearense ocupou a cadeira do patrono Ernesto Nazareth

Na próxima terça, dia 30, às 18h, o compositor cearense Liduino Pitombeira tomará posse na Academia Brasileira de Música (ABM), ocupando a cadeira de número 28, cujo patrono é o pianista Ernesto Nazareth. A cadeira estava vaga desde 2019, ano em que o seu último ocupante, o musicólogo gaúcho Flávio Silva, faleceu. Natural da cidade de Russas, Liduino é atualmente professor de Composição da Escola de Música da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e um dos nomes mais relevantes da música contemporânea. Em seu currículo, apresenta experiências importantes, como sua atuação como doutor em Composição e Teoria e como mestre em Composição pela Louisiana State University, nos Estados Unidos.

Suas obras já foram executadas tanto no Brasil quanto no exterior, como as apresentações do Quinteto de Sopros da Filarmônica de Berlim, na Alemanha, da Louisiana Sinfonietta e do New York University New Music Trio, nos Estados Unidos, e a Orquestra Filarmônica de Poznan, na Polônia. Além disso, o cearense conquistou importantes premiações de composição no Brasil e nos Estados Unidos. Em 2019, foi agraciado com a Medalha Villa-Lobos, concedido pela Academia Brasileira de Música. O compositor também desenvolve artigos científicos sobre composição e teoria e pesquisas como membro do grupo MusMat da UFRJ.

Comentar