Evento promove diálogo sobre igualdade de gênero e raça e empoderamento da mulher

Por suporte - 23/02/2018 12h50

Evento promove diálogo sobre igualdade de gênero e raça e empoderamento da mulher

A primeira Oficina Interlegis do ano foi realizada na Câmara de Teresina.

João Allbert
A governadora em exercício Margarete Coelho participou da abertura do evento (João Allbert)

A governadora em exercício Maragarete Coelho participou, nesta sexta-feira (23), na Câmara Municipal de Teresina, da abertura da Oficina Interlegis, que traz como tema: Senado Mulheres nas Casas Legislativas. Realizado com o apoio do Governo do Estado, o evento promove um diálogo sobre a igualdade de gênero e raça e empoderamento da mulher nos ambientes de relações de trabalho, educacionais e domésticos.

O projeto é uma iniciativa do Instituto Legislativo Brasileiro, ao qual o programa Interlegis é vinculado, em parceria com a Procuradoria Especial da Mulher, além de outros órgãos do Senado ligados à questão de gênero, com o apoio de diversas instituições. Transmitir informação com qualidade, oferecer formação diferenciada e orientar sobre leis aprovadas pelo Congresso relativas às mulheres nas áreas de trabalho e inclusão financeira, direitos humanos e violência e saúde são metas a serem alcançadas pela dinâmica.

“Vivemos em uma democracia representativa, o que significa que todos os segmentos sociais, de uma forma ou de outra, devem estar representados nos espaços de poder. E se as mulheres são maiora no eleitorado e população, elas também têm que estar representadas, o que ainda não acontece. Portanto, precisamos nos reunir para discutir, entender porque as estratégias não funcionam e ir em busca de novas soluções, a fim de que possamos superar esse problema da nossa democracia”, atentou Margarete Coelho.

A abertura da oficina também contou com a presença da senadora Regina Sousa. “O empoderamento e a questão da não violência é uma bandeira sempre presente na luta das mulheres e é sempre bom estarmos discutindo sobre o tema. É uma luta de todas as mulheres, mas que também deve ser de todos os homens e famílias. No momento que a mulher ocupa um espaço é porque é seu por direito. É essencial que as mulheres sejam empoderadas no sentido de receber conhecimentos”, disse a parlamentar.

Espera-se ainda fazer com que o parlamento tenha com distinção a capacidade de ouvir a comunidade. “É uma pauta que tem mobilizado diversos segmentos da sociedade e a Interlegis nao poderia ficar de fora. Somos um instituto que atua na modernização do Poder Legislativo, portanto, tratamos de cidadania. Além desta, a Interlegis vem oferecendo, ao longo de 20 anos, diversas oficinas, que são as aulas práticas para grupos e fins específicos”, pontuou o representante do Interlagis, Antônio Carlos Buriti.

O evento segue nesta sexta. Confir aqui a programação.

Autoria: Lorenna Costa

Comentar