Procissão das Sanfonas de Teresina conquista o Prêmio Profissionais da Música.

Por Redação Entrecultura - 10/11/2021 14h36

texto: Neto Brahn

Imagem registrada na 10ª edição da Procissão das Sanfonas de Teresina.

 

A Procissão das Sanfonas de Teresina conquistou o Prêmio Profissionais da Música (PPM) na categoria “Criação: Som na Rua”. A premiação ocorreu no dia 7 de novembro, durante a 6ª edição do evento, em solenidade virtual transmitida diretamente do Estádio Nacional de Brasília “Mané Garrincha”. O PPM é considerado uma das maiores e a mais abrangente das premiações do setor musical do Brasil.

 

SOBRE O PRÊMIO PROFISSIONAIS DA MÚSICA

Em sua 6ª edição o prêmio aconteceu entre os dias 03 e 07 de novembro. Sua proposta é de valorizar toda a cadeia produtiva da música, dos bastidores até a distribuição. Com este intuito a premiação é dividida em três categorias: criação, produção e convergências. Todas as categorias são subdividas em muitas outras, totalizando 105 subcategorias. No caso da categoria Criação, uma das subcategorias é a “Som na Rua”, cuja campeã foi a piauiense Procissão das Sanfonas de Teresina.

O Prêmio Profissionais da Música, que este ano teve como slogan “Do analógico ao digital, viva ao direito autoral”, recebeu milhares de projetos de todo o Brasil e assim se configura hoje como um dos mais importantes prêmios nacionais.

 

A PROCISSÃO DAS SANFONAS DE TERESINA

A Procissão sob o som das sanfonas é uma das ações promovidas pela Colônia Gonzaguiana de Teresina, em memória da obra de Luiz Gonzaga “O rei do baião”. Há 13 anos era dado o primeiro passo do cortejo que só aumentou em volume de gente e som. Em 2020 porém, com o agravamento da pandemia, a Procissão das Sanfonas viu-se impedida de ir às ruas para manter a tradição e o jeito foi improvisar (algo que não chega a ser um problema para a mente criativa dos nordestinos).

Coordenada pelo Professor Wilson Seraine, um dos maiores conhecedores e entusiastas da obra do “Seu Lua”, a Procissão decidiu lançar a música “Maria Passa na Frente”, composta por Vagner Ribeiro e que tem arranjo de Zé Roraima. A ideia era pedir a Mãe de Jesus que cuidasse de todos e também homenagear a saudosa artista piauiense Maria da Inglaterra. Deu tão certo, que logo a música ganhou um superclipe com participação de inúmeros sanfoneiros(as), artistas e apaixonados pela cultura nordestina. Todos gravaram em suas casas, no estilo “clipe de quarentena”.

 

 

A PREMIAÇÃO

O júri do Prêmio Profissionais da Música avaliou toda a trajetória da Procissão das Sanfonas de Teresina e resolveu dar o 1º lugar para a Procissão que não precisou ir às ruas para estar presente e não precisou caminhar para seguir em frente. Sobre a importância deste reconhecimento o Prof° Wilson Seraine declarou “o prêmio é para todo o Piauí… Agora estamos na rota nacional, na mídia nacional, pessoas de todo o Brasil e muitos músicos entraram em contato”. Sobre o futuro disse “esperamos que no próximo ano tudo volte à normalidade e, se voltar, a Procissão na rua nós teremos a maior, a melhor, a mais bonita Procissão das Sanfonas de Teresina”.

 

 Prof° Wilson Seraine

 

 

NOTA DO AUTOR

É parte da cultura nordestina recorrer às santidades e realizar um ato de sacrifício como prova de fé, assim como fez Jesus. A Procissão das Sanfonas, apesar de não ser um evento sacro, carrega em si a essência da história do nordeste e por isso sincretiza com harmonia um ato de fé, quando se reúne, caminha e canta pelas estreitas ruas do centro da capital. Naquele momento de 2020, a pandemia estava em um dos seus ápices e não poder sair de casa e exercitar a sua fé era uma das maiores guerras psicológicas travadas por grande parte das pessoas. Cantar “Maria Passa na Frente” substituiu, pelo menos por um instante, o passo devoto de quem acredita em Deus, na cultura, no Luiz Gonzaga ou na vida.

 

REDES SOCIAIS:

@coloniagonzaguianapiaui

@premiopm

@wilsonserine

@vagnerribeirovalordepi

@zeroraimaoficial

Comentar